Residência Médica

Instituída pelo Decreto nº 80.281, de 5 de setembro de 1977, a residência médica é uma modalidade de ensino de pós-graduação destinada a médicos, sob a forma de curso de especialização. Funciona em instituições de saúde, sob a orientação de profissionais médicos de elevada qualificação ética e profissional, sendo considerada o “padrão ouro” da especialização médica. O mesmo decreto criou a Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM).

O Curso de Medicina do Centro Universitário Inta –UNINTA, Campus Itapipoca submeteu e obteve aprovação pelo Conselho Nacional de Residência Médica de quatro programas, a saber: Residência em Clínica Médica (02 vagas) N° protocolo 2021-1865, Residência em Medicina de Família e Comunidade (06 vagas) N° protocolo 2019 – 1748, Residência em Cirurgia Geral (02 vagas) N° protocolo 2021-1987 e Residência de Emergência (04 vagas) N° protocolo 2019-1739. Essas vagas foram ofertadas no Processo Seletivo Unificado para Residência Médica do Estado do Ceará – PSU/RESMED/CE-2022 e presentes no 5° Aditivo ao Edital N° 02/2021 – Programas com Acesso Direto.

A criação dos Programas de Residência Médica do Curso de Medicina do Centro Universitário Inta –UNINTA, Campus Itapipoca, baseou-se nas mais prementes necessidades de assistência em saúde locorregionais e na capacidade dos equipamentos e estrutura da saúde em bem formar médicos especialistas. O Programa de Residência

Médica em Medicina de Família e Comunidade se destaca por ser um programa basilar na assistência à saúde. Todavia, a adesão a este programa no Brasil ainda carece de maior incentivo e valorização profissional. O Estado do Ceará por ser referência na implantação da Atenção Primária à Saúde concentra uma grande oferta no número de vagas para este programa, com forte densidade na capital do Estado.