Curso de Medicina promove mesa redonda sobre suicídio

Na próxima quarta, dia 28 de setembro, o Curso de Medicina das Faculdades INTA promovem a mesa redonda “Precisamos Falar Sobre Suicídio”. O evento, realizado no auditório a partir das 18h30, contará com a presença dos doutores Giovanni Granjeiro de Araújo e Hamilton Almeida Peixoto.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 800 mil pessoas cometem suicídio a cada ano em todo o mundo. No Brasil, o último dado do Ministério da Saúde mostra que em 2014 foram mais de 10.600 casos no país. O suicídio é, portanto, um importante problema de saúde pública que muitas vezes é esquecido e negligenciado. Visando debater, divulgar e desmistificar este tema junto à sociedade, neste mês entidades de todo o Brasil participam da campanha “Setembro Amarelo”, pela prevenção do suicídio.

O suicídio está envolto em tabus e mitos, que levam muitos profissionais de saúde a se esquivarem deste tema ou abordarem de forma inadequada. Mitos precisam ser desconstruídos como “quem quer se matar não avisa” ou “se eu perguntar sobre ideias suicidas irei induzir a pessoa ao suicídio”.

Os principais fatores de risco para suicídio devem ser divulgados, como tentativas prévias, sexo masculino, uso de substâncias psicoativas, presença de transtorno mental, manifestação de ideias suicidas.

O mais importante é que o suicídio pode ser prevenido se o paciente em risco for adequadamente abordado – acolhido sem julgamento moral – pelos profissionais de saúde e devidamente direcionado a uma terapêutica indicada para a situação.

 

Organização:

  • Prof. Bruna Vieira
  • Dr. Niedja Maruccy
  • Dr. Mikkael Duarte
  • Dr. Rafael Nobre

Apoio: Nucim
Coordenador da mesa: Dr. Klauber Roger

Publicações recentes